Nos siga nas redes sociais

Destaques

Proteção e privacidade: como verificar o que o seu filho anda fazendo no celular?

Publicado

em

Nunca é demais frisarmos a importância de se proteger e, claro, de fazer o mesmo para com os seus filhos, em especial, os menores de idade. Infelizmente, a escalada da violência parece generalizada e sem um fim à vista.

Este cenário, inclusive, já chegou também à internet. Práticas como assédio, bullying, ameaças, violência e outros crimes viraram algo rotineiro e parecem ser especialmente comuns contra crianças e adolescentes.

As notícias espalhadas por todos os tipos de mídias com tragédias que se originam por contatos indesejados via internet estão aí para nos lembrar disso todos os dias. Mas, como proteger o seu filho pela internet?

Se você está buscando uma resposta definitiva para essa pergunta, nós viemos resolvê-la neste artigo. Entretanto, antes de conhecermos a solução, vamos falar um pouquinho mais sobre os problemas em potencial a que o seu filho está exposto todos os dias.

Os perigos da internet

Elencamos uma lista – triste dizer – de apenas algumas das ameaças mais comuns a que as crianças são especialmente expostas:

  • Bullying → as redes sociais aproximaram todo mundo e, convenhamos, poucos ou nenhum são os filtros para impedir que um colega de escola, ou mesmo um desconhecido, aborde e comece a praticar o bullying contra uma criança. Muitas vezes, inclusive, isso nunca é descoberto, já que crianças têm dificuldades em levar este tipo de problema ao conhecimento de seus pais;
  • Conteúdos impróprios → a variedade de sites com todos os tipos de conteúdo não é novidade. O que, muitas vezes, pais e adultos não levam em conta é que tal variedade está disponibilizada para todos os públicos, sem nenhum controle. Isso quer dizer que mesmo as crianças podem, facilmente, ter acesso a conteúdo impróprio, seja de apologia a drogas, seja sexual ou mesmo violento;
  • Ameaças e assédios → não dá pra dizer, exatamente, qual tipo de violência é o mais comum. Entretanto, ameaças e assédios de vários tipos, normalmente, iniciam-se na forma de um contato simulando uma pessoa legal. Mais tarde, quando o criminoso ganha a confiança da criança ou do adolescente, um encontro pode ser marcado. Daí, você pode imaginar a desgraça que potencialmente se sucede;

Mas o que fazer, nestes casos?

Solução: utilize o mSpy

O mSpy é um aplicativo de controle parental e keylogger Android e IOSque permite que você tenha, em primeira mão, todas as informações do celular do seu filho. Tudo isso ocorre de forma remota e sigilosa, ou seja, ele nunca saberá que você está ciente do que ele anda fazendo no celular.

A lista de funções que o app oferece é bastante extensa, mas nós trouxemos uma pequena amostra da segurança que ele oferece:

  • Histórico de navegação → tenha acesso a todos os sites que o seu filho visita;
  • Histórico de chamadas → saiba quem o ligou e para quem ele ligou, com informações completas dos dados do contato e da chamada em si;
  • Mensagens de texto → todas as mensagens enviadas, recebidas e, até mesmo, deletadas do aparelho do seu filho serão disponibilizadas para você. Isso vale tanto para SMS, como também para as principais redes sociais existentes;
  • Geofencingdefina limites físicos de áreas onde o seu filho pode e não pode frequentar. Todas as vezes que ele quebrar essa regra, você será imediatamente notificado, com a precisa localização e hora em que ele se ausentou de onde deveria estar;
  • Aplicativos instalados → decida quais aplicativos são permitidos e quais não são no celular do seu filho. Você terá o poder de, inclusive, deletar aqueles que não deseja que ele utilize.

Com tudo isso em suas mãos e com o profissionalismo do mSpy, será impossível que alguém se aproxime do seu filho pela internet sem que você tenha tempo e ferramentas hábeis para evitar qualquer tipo de problema maior.

Assim, visite o site do mSpy e não perca as diversas funções e pacotes que o aplicativo líder de mercado em controle parental tem a oferecer. Deixe nos comentários o que achou da nossa sugestão e como ela está ajudando na segurança do seu filho e da sua família.

 

Didi Galvão