“Geraldo precisa pensar menos em 2022”, dispara Marco Aurélio

Parlamentar criticou prefeito do Recife por falta de psiquiatras em CAPS do município.

Foto: Roberto Soares/ Alepe

Durante discurso no Pequeno Expediente desta quarta-feira (16), o líder da oposição na Alepe, deputado Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB), criticou o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), por pensar mais nas campanhas eleitorais de 2020 e 2022, ao denunciar a ausência de psiquiatras em Centro de Atenção Psicossocial (Caps), que foi alvo de protesto por parte de familiares na noite da última terça (17).

 

“Os pais de crianças e adolescentes especiais da cidade do Recife estão sendo humilhados  por essa gestão. O prefeito do Recife precisa esquecer um pouquinho de 2020, pensar menos em 2022, e olhar para aqueles que votaram nele e que precisam de um prefeito que tenham responsabilidade com as crianças, principalmente essas que mais precisam”, argumentou Marco Aurélio

De acordo com familiares, o Caps Professor Zaldo Rocha, que fica localizado no bairro da Encruzilhada, na Zona Norte do Recife, falta profissionais para o atendimento de  crianças e adolescentes com transtornos psiquiátricos.

 

“A espera é de mais ou menos um ano para o atendimento. O prefeito está preocupado em fazer propaganda e esquece o principal: que a cidade bem cuidada começa pelo povo”, disse o parlamentar.

Luiz Fernandes