Nos siga nas redes sociais

Colunas

Como e por que ter uma vida sustentável?

Isabelle Vilela - Oceanógrafa, Mestra e Doutoranda em oceanografia com ênfase em mudanças climáticas.

Publicado

em

Isabelle Vilela

Primeiramente, o que é sustentabilidade? “Sustentabilidade significa atender às nossas próprias necessidades sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atender às suas próprias necessidades”. A nossa qualidade de vida depende diretamente do equilíbrio entre esses três pilares da sustentabilidade: ambiental, econômica e social. A sustentabilidade ambiental preza pela integridade ecológica, mantendo os sistemas ambientais da Terra em equilíbrio, enquanto os humanos consumem e impactam os recursos naturais a uma taxa em que são capazes de se regenerar. A Econômica busca o desenvolvimento de comunidades humanas a ter acesso aos recursos necessários, como fontes seguras de subsistência. A social assegura que os direitos humanos e necessidades básicas são atingíveis por todas as pessoas, levando em consideração os direitos pessoais, trabalhistas e culturais.

As motivações por trás de tantas pessoas, grupos e comunidades que estão trabalhando para o desenvolvimento sustentável se resume na preocupação do nosso futuro e do que estamos deixando para as próximas gerações. Essa preocupação te motiva a ter hábitos mais sustentáveis? Adquirir hábitos sustentáveis requer um tempo de adaptação, aqui vão algumas dicas para buscar ter uma vida sustentável.

  • Consumo consciente

Uma prática incrível que além de buscar uma vida sustentável é economicamente favorável: não seja impulsivo nas compras. O planejamento antecipado auxilia em comprar melhor e evita o desperdício. Priorize o uso consciente dos recursos naturais, como a água e energia, contribuindo para o meio ambiente e para o “bolso”.

  • Promova a coleta seletiva na sua casa, bairro, condomínio e empresa

Embora os órgãos governamentais incentivem a coleta seletiva, a população brasileira, em geral, não tem o hábito de faze-la. A falta de cultura em separar o lixo orgânico do lixo reciclável, separar segundo sua constituição ou composição, dificulta o processo de reciclagem. Além disso, o descarte de resíduos de lixo em locais impróprios, como os aterros, causa prejuízos nocivos ao meio ambiente.

  • Procure pontos de desacate de produtos com potencial tóxicos

As pilhas e baterias por exemplo contêm metais pesados como chumbo, mercúrio, níquel e cádmio, jogadas no lixo comum que irão para um aterro sanitário, poderão contaminar o meio ambiente e pessoas que não são treinadas para manipular esses resíduos tóxicos. Assim é muito importante esse tipo de lixo ter um destino adequado (1) uma vez que a contaminação por metais pesados pode causar doenças renais, cancerígenas e problemas no sistema nervoso central.

  • Não descarte o óleo pelo encanamento

O óleo é outro exemplo de resíduo que deve ser armazenado e destinado a um local de coleta adequado. Muitos não sabem, mas o descarte do óleo na pia além de poder impactar negativamente o encanamento da sua casa, podendo provocar o entupimento dos encanamentos pelo acúmulo de gordura, também polui a água. A degradação do óleo por micro-organismos gera a diminuição de oxigênio dissolvido na água, provocando a morte de seres vivos aquáticos. O impacto também é econômico, uma vez que o tratamento da água contaminada gera gastos e produtos para tornar essa água novamente potável.

  • Reutilize

Por que comprar outra vez o que você pode consertar, transformar e reutilizar? Pequenas ações como reutilização de materiais, produtos e embalagens (como o plástico que sua decomposição demora centenas de anos), sempre que possível, impedem que retorne de forma inadequada a natureza e auxilia a preservar os recursos naturais do planeta. Muitas empresas já promovem a venda de refil a fim de incentivar a reutilização de suas embalagens.

  • Dê preferência a alimentos orgânicos

Consumir alimentos orgânicos, livres de agrotóxicos, é mais saudável, estimula o manejo adequado da terra e valoriza os pequenos produtores.

  • Minimize a emissão de CO2

Você sabia que ter uma vida mais saudável pode ajudar o meio ambiente? Sempre que possível escolha andar, usar a bicicleta, skate ou outro meio de transporte limpo. Esses hábitos podem auxiliar a sua saúde enquanto você preserva o meio ambiente com a redução do uso de veículos motores que emitem CO2 na atmosfera.

Essas dicas vão te ajudar a ter hábitos sustentáveis, contribuindo não só para a preservação da natureza, mas também para uma vida mais saudável, além de trazer benefícios econômicos. Sendo assim, por que não ter uma qualidade de vida consciente?

 

@isabellevilela1 @oceanmatters2020

 

(1) Link de onde encontrar locais para descartes de resíduos: https://www.ecycle.com.br/index.php?option=com_ola&geocode=(-8.0542775,%20-34.8812561)&cep=Recife&item=10&itemcategoria=161

 

Continue Reading
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *