Adriana Rocha anuncia filiação ao PDT

Foto: Diego Medeiros/Divulgação

Ex-candidata ao Senado em 2018, a advogada e professora universitária Adriana Rocha vai se filiar ao PDT. O anúncio foi feito na noite dessa quinta-feira (7), durante o lançamento do movimento “Em Frente”, liderado pelo deputado federal Túlio Gadelha, cujo objetivo é discutir uma ação política de esquerda no Recife e Região Metropolitana. O ato ocorreu em um espaço na capital pernambucana e reuniu lideranças, formadores de opinião e pré-candidatos da legenda.

Em sua fala, Adriana Rocha destacou suas bandeiras de luta e os posicionamentos que a fizeram optar pelo PDT entre tantos outros convites de agremiações partidárias – ela concorreu ao Senado pela Rede Sustentabilidade, partido do qual já havia se desfiliado.

“Precisamos deixar esse lugar cômodo de crítica para nos oferecer como solução. No PDT, encontrei ideias e atitudes condizentes com o que acredito ser fundamental para se pensar e fazer política com representatividade e coragem; ocupando espaços e fortalecendo as bandeiras das minorias tão presentes em minhas pautas e na experiência jurídica que acumulei como advogada e professora de Direito”, pontuou Adriana Rocha.

Para Túlio Gadelha, a filiação de um quadro como Adriana Rocha ao PDT só engrandece o partido. “Precisamos nos envolver. Por isso, estamos buscando pessoas que dialoguem em pautas como as que Adriana defende, e que fomentam a equidade. É dessa forma que pretendemos enfrentar questões da cidadania para seguirmos em frente”, concluiu o deputado.

O movimento

O movimento #EmFrente se constitui no encontro de pessoas diversas que atuam em diferentes áreas, sonham e lutam por uma cidade segura, feliz e sustentável. O movimento é político, não partidário, e tem como missão gerar energia coletiva que transforma a cidade, além de agregar as pessoas que pensam o desenvolvimento com base nos direitos humanos, em equilíbrio com o meio ambiente, com equidade, e gerando riqueza de forma responsável.

O manifesto lançado ontem pretende ocupar os espaços com educação política, chamando as pessoas para a cidadania ativa e motivando a representatividade; enfrentando as questões da cidade para seguir em frente com dignidade.