Itacuruba está em primeiro lugar em Pernambuco no ranking das previdências que possuem regime próprio

De acordo com o Indicador de Situação Previdenciária – ISP-RPPS, divulgado pela Secretaria de Previdência do Ministério da Fazenda, o município de Itacuruba está em primeiro lugar no ranking do estado de Pernambuco e em sétimo do Nordeste. Em todo o país foram avaliadas 2123 instituições, no Nordeste 548 e em Pernambuco 149.

O resultado foi anunciado ontem (20) durante o I Congresso Nacional de Previdência dos Servidores Públicos, que está sendo realizado em Florianópolis (SC), promovido pela Associação Nacional de Entidades de Previdência dos Estados e Municípios (ANEPREM) e pela Associação Brasileira de Instituições de Previdência Estaduais e Municipais (ABIPEM).

A notícia foi recebida com entusiasmo pela presidente da entidade, Isabella Quirino Menezes Freire, e pela diretora administrativa e financeira, Poliana Carvalho Sá Ferraz.

De acordo com a presidente, a notícia não foi uma surpresa, tendo em vista o trabalho que vem sendo realizado pela equipe. “Nosso compromisso é de dia a dia adequar a ItacurubaPrev aos mais altos padrões de exigência. Nossa nota foi 0,889, quando a máxima estabelecida pelo Indicador é 1,00, e a média nacional é de 0,59. Estamos bem acima da média, e esse caminho tem sido percorrido desde que assumi a previdência, em 2013”, ressaltou.

Para compor a nota foram avaliados os itens conformidade, que se refere ao cumprimento das normas gerais de organização e funcionamento (nota máxima 0,25), equilíbrio, que avalia a situação dos RPPS quanto a endividamento, solvência financeira, solvência atuarial, relação entre ativos e inativos e comprometimento da receita corrente líquida (nota máxima 0,55) e transparência,  que é a prestação de informações à SPREV para disponibilização em consulta pública (Nota máxima 0,20).

Assessoria de Comunicação

Redação